Jacaré Alado!

Não é a toa que o futebol é uma das maiores paixões mundiais. Bastou um pouco de atitude e confiança para o Rebeldiões dar a volta por cima, e quase ficar com a primeira colocação do excelente quadrangular disputado Domingo, no Pau-Ferro.

        Com o adiamento da primeira rodada da Copa Flog 2008, os rebeldes foram convidados a participar de um torneio envolvendo as conhecidas equipes da Juventus, Legbreakers e Go Go Boys. A qualidade técnica dos quatro times prevaleceu ao longo das partidas disputadas e foi uma boa preparação para todos.

       

– REBELDIÕES x GO GO BOYS

 

O partida de abertura do quadrangular reuniu frente a frente, a terceira em menos de um mês, Rebeldiões X Go Go Boys. A vitória era muito importante para o alviverde. Pois, nos últimos dois confrontos, houve um empate e uma vitória dos Zebras.

        E o que se viu no primeiro tempo foi à presença de apenas uma equipe em campo, e essa equipe era o GGB. Bem entrosado e exercendo forte pressão, o alvinegro abriu 3×0 com extrema facilidade. Na segunda etapa o Rebeldiões chegou a diminuir, mas, depois, foi “literalmente” atropelado pelo Go Go Boys que chegou a abrir inacreditáveis 6×1, onde se aproveitou da desatenção, fragilidade e bobeira do time rebelde que parecia mais um time de deficientes visuais.

        Com vergonha e medo de um vexame, os rebeldes resolveram “acordar” e começar a jogar futebol. Na base da raça e da determinação, a vantagem alvinegra foi diminuindo pouco a pouco. Faltando menos de um minuto, o zagueiro Vini descontou para 6×4 numa linda cabeçada e, nos acréscimos, o camisa 10 Biel fez o quinto gol.

        Porém, pela vergonhosa atuação no primeiro tempo e no começo do segundo, o alviverde não conseguiu buscar o empate e a vitória do GGB foi mais do que merecida. Os Zebras souberam construir a imensa vantagem de 5 gols diante de um Rebeldiões atônito e totalmente sem brios.

 

Gols: Biel (2x) Poncio, Léo Raça e Vini.

 

        Durante a partida entre Legbreakes X Juventus, os jogadores rebeldes reuniram-se rapidamente para, mais uma vez, tentar impedir que uma atuação desastrosa como a anterior se repetisse.

 

– REBELDIÕES x LEGBREAKERS

       

        Derrotado pela Juventus, o LEG entrou em campo para enfrentar o Rebeldiões disposto a enterrar de vez as pretensões rebeldes no quadrangular. Afinal, quem perdesse a segunda partida ficaria sem chances de chegar ao primeiro lugar.

        LEG e RBD começaram o jogo tocando muito a bola de lado, estudando os movimentos do adversário, até sair o primeiro gol dos “quebradores”. Com 1×0 no placar, os rebeldes não se abateram e logo empataram, num chute de longa distância do meio campo Poncio pegando de surpresa o goleiro do LEG. A primeira etapa terminou 1×1 e sem qualquer previsão de vencedor.

        Veio segundo tempo e logo no início o Legbreakers conseguiu ficar novamente na frente numa roubada de bola. Mas, após receber um bom lançamento de um arremesso lateral, Rodogordo deu um drible de corpo no zagueiro e fuzilou o goleiro adversário fazendo o segundo gol para o Jacaré de JPA empatando o confronto.

Com o passar dos minutos e o cansaço começando a bater nos jogadores, a partida foi ficando mais aberta. E num contra-ataque, o alviverde Biel sofreu uma falta próxima a área do LEG. O ala/meio Emilliano assumiu a responsabilidade pela cobrança e, num toque magistral, pôs a bola no cantinho direito do goleiro adversário que nem se mexeu. Virada no placar, Rebeldiões 3×2.

        Querendo a vitória de todas as maneiras, os rebeldes resolveram abdicar do ataque e recuaram chamando a talentosa equipe do LEG para o seu campo. Após inúmeras chances perdidas e algumas defesas milagrosas do novo arqueiro alviverde, o Legbreakers chegou novamente ao empate.

        Com o placar apontando 3×3 a partida parecia definida. Mas, numa triangulação entre Biel, Léo Raça e Poncio, o Rebeldiões tentou o último “suspiro” num chutaço do camisa 12 que o goleiro do LEG desviou para escanteio. Na cobrança, Biel se aproveitou da confusão na área e empurrou para o gol vazio decretando a suada vitória dos rebeldes por 4×3.

 

– REBELDIÕES x JUVENTUS

 

        Com as derrotas do Go Go Boys para Legbreakers e Juventus, o Rebeldiões e a própria Juve chegaram para o último embate do Domingo com chances de conquistar o quadrangular. Só que para o time do alvinegro bastava o empate, enquanto os rebeldes precisavam golear para sonhar com o primeiro lugar.

        A partida começou como todos esperavam. A Juventus com maior posse de bola, toques rápidos e rodando o jogo a todo instante esperando surgir à oportunidade de gol. Só que num arremesso lateral despretensioso a favor do Rebeldiões, o zagueiro alvinegro se assustou com a presença do atacante Léo Raça e cabeceou contra as prórpias redes. Rebeldes 1×0.

        O alviverde ainda teve uma grande chance de ampliar numa linda tabela entre os meias Poncio e Biel, onde o primeiro chutou rente a trave do goleiro alvinegro. Mas, a partir daí, a partida se tornou um jogo de xadrez para o time da Juventus. Com o Rebeldiões exercendo uma de suas melhores marcações dos últimos tempos, a equipe adversária não conseguiu furar o “ferrolho” armado pelo treinador Pudim Harry Potter.

        O segundo tempo começou e a posse de bola da Juve era de aproximadamente 90%. Só que o maior volume de jogo e a troca de passes do time alvinegro não eram capazes de furar a bem postada defesa rebelde formada por Doug Funny, Negão, Renato Sorriso e o incrível goleiro do Rebeldiões.

        Os jogadores da Juventus começaram a demonstrar irritação por não conseguir ultrapassar o bloqueio alviverde quando surgiu o gol de empate. Numa cobrança de falta ensaiada, o jogador alvinegro saiu de dentro da área para a marca do pênalti, confundindo a marcação, rebelde e chutou livre para empatar a partida.

        Com o placar apontando 1×1, os jogadores continuaram com a tática apelidada de “Bote do Jacaré” e, logo em seguida, marcaram o segundo gol. Rodolfo disputou a bola com dois jogadores e ela sobrou livre para o camisa 12 Poncio que, com um toque tirando do zagueiro, ficou cara a cara com o goleiro do Juventus. O meio campo teve tranqüilidade para colocar a bola entre as pernas do goleiro e fazer Rebediões 2×1.

        A partir daí começou a avalanche promovida pelo time da Juventus. Com ataques em série, a Juventus tornou o goleiro alviverde num dos protagonistas da tarde. Ao lado do zagueiro Negão, que anulou completamente o centroavante Souza, do zagueiro Renato Sorriso, sempre preciso nos desarmes, e do careca Doug Funny que não deu espaços para Buiú e Cia, o arqueiro rebelde fez intervenções milagrosas debaixo das traves alviverdes.

        E foi com o camisa 1 que o Rebeldiões deu o “tiro de misericórdia” na Juventus. Com praticamente todo o time alvinegro dentro do campo rebelde, o arqueiro alviverde fez magistral lançamento para o meio campo Poncio fazer seu segundo gol na partida e decretar a vitória do Rebeldiões sobre a toda poderosa Juventus por, incontestáveis, 3×1.

        Foi a vitória da paciência, da aplicação tática e do verdadeiro espírito rebelde. E vale lembrar, mais uma vez, as boas atuações do trio Doug Funny, Negão e Renato Sorriso.

        A Juventus acabou campeã do quadrangular graças ao saldo de gols superior ao do Rebeldiões. Mas, o que valeu para o time alviverde foi voltar a exibir um bom futebol e a esperança de conquistar bons resultados na Copa Flog 2008.

        O presidente Léo Raça tentará marcar algum amistoso antes da estréia para aprimorar o entrosamento e o condicionamento físico dos rebeldes.

0 Responses to “Jacaré Alado!”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Contador

  • 16.958 visitas

%d blogueiros gostam disto: